AconteceuCearáPoliticaRegionaisTamboril

Vereador denuncia outro parlamentar por lesão corporal após discussão na Câmara Municipal de Tamboril


Foto: Arquivo pessoal/Reprodução

O vereador Marcos Morais, de Tamboril, no interior do Ceará, denuncia outro parlamentar — Venceslau Torres Costa — de lesão corporal após sofrer com um soco no rosto, durante sessão realizada na Câmara Municipal, na última sexta-feira (13). Morais, que faz oposição à prefeitura, prestou um boletim de ocorrência após o caso e publicou um texto nas redes sociais.

No vídeo acima, é possível ver quando Marcos Morais faz críticas ao governo municipal e ao presidente da Casa, Francisco Geovani Santos de Sousa. Depois, ele é rebatido por Venceslau, que é vice-presidente da Casa. O g1 entrou em contato com o parlamentar denunciado, mas não obteve resposta até a publicação desta reportagem.

“O que eu quero, senhor presidente, é que o senhor realmente assuma a cadeira de presidente que até hoje o senhor não fez ainda, e conduza essa Casa com autoridade, porque senão, daqui a pouco, isso aqui vai virar um ringue. Uma hora isso aqui pode virar um ringue de luta”, declara Marcos.

“Você exige respeito, e não respeita ninguém. Você não tem autoridade moral para desrespeitar ninguém, não pode aqui estar chamando vereador de p****, de m**** e de b**** não. Por isso que nós vamos organizar aqui um regimento da Casa para disciplinar para ter moral no rito dessa Casa, onde você não é autoridade mais que ninguém”, rebateu Venceslau na sessão.

Após a discussão, a sessão segue e o presidente da Câmara, Geovani de Sousa, começa a discursar. Contudo, a fala dele é interrompida pela briga. No vídeo, aparece um homem de camisa branca com uma mancha de sangue, que seria o vereador Marcos Morais, após a agressão.

Fratura no nariz

“Nada justificará. Mas confio plenamente de que a justiça será competente neste caso, e fiz o meu dever perante a lei. Aguardarei, repito, com a consciência tranquila e com determinação para continuar exercendo meu papel de acordo com o que acredito”, publicou Marcos nas redes sociais, junto a uma foto que mostra um hematoma no olho e o nariz inchado.

O vereador diz que o autor das agressões foi Venceslau, que teria dado um soco que quebrou o óculos dele e fraturou o nariz. O g1 teve acesso à uma tomografia computadorizada feita pelo vereador agredido, que diagnosticou fratura no nariz e desvio de septo.

“Durante todo esse tempo nunca fiz, e nunca farei, (se Deus quiser), nenhuma agressão física a nenhum colega de trabalho, por mais que discordasse fielmente de quaisquer posicionamentos”, escreveu o vereador.

“Nunca precisei me desequilibrar a ponto de infelizmente noticiar um dos piores episódios do legislativo tamborilense. Mesmo quando situação soube respeitar as opiniões contrárias. E infelizmente ontem fui pego desprevenido e fui vítima desse atentado lamentável”, complementou o parlamentar.

G1 CE

Mais Notícias

Botão Voltar ao topo