Policial

Entre bits e bytes, SSPDS promove palestra voltada para servidores e colaboradores sobre segurança digital








30 de novembro de 2023 – 18:22
# # # # # #



A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) realizou, nesta quinta-feira (30), a palestra “Segurança da Informação: muito além de bits e bytes”. O encontro representou uma preparação dos servidores e colaboradores para as novas regras em Segurança Digital do órgão do Governo do Ceará, com o lançamento previsto para o próximo ano, e foi comandado pelo orientador da célula de infraestrutura, Leandro Sousa, e o analista de suporte, Fábio Santos, ambos da Coordenadoria de Tecnologia da Informação e Comunicação (Cotic/ SSPDS).

“A principal dica que temos a oferecer aos servidores e colaboradores é quanto ao comportamento. Desconfie sempre de mensagens que contenham erros de Português, que peçam que você envie dados imediatamente, ou até mesmo solicitem informações e senhas pessoais. Você pode até não estar em um bom dia, mas precisa se manter calmo, ao invés de reagir e acabar clicando em links que vão te levar para endereços eletrônicos que você desconhece. Ter bom senso e ler com calma cada mensagem é sempre a melhor escolha”, norteia Leandro.

Outras dicas estão relacionadas a manter o antivírus do computador atualizado e utilizar ferramentas on-line gratuitas para checar links encurtados (Check URL) e verificar se algum arquivo recebido contém vírus (Vírus Total). “O nosso servidor e colaborador precisa estar sempre alerta. Até mesmo porque, trabalhando na Segurança Pública, podem existir pessoas mal intencionadas e interessadas em saber qual tipo de informação da Secretaria cada um de nós tem acesso”, alerta.

Atento e forte

“Precisa estar sempre desconfiado, sempre prestando atenção. Senão, facilmente, você acaba fornecendo dados pessoais e se tornando um alvo. Como aprendemos aqui, a parte mais vulnerável da internet somos nós, que somos as pessoas”, recomenda o auxiliar administrativo da Coordenadoria de Administração e Finanças (Coaf/ SSPDS), Matheus Araújo.

Para ele, o trabalho vinculado à Segurança Pública do Estado traz uma responsabilidade ainda maior para servidores e colaboradores da SSPDS, haja vista que um pequeno deslize pode fazer com que dados sensíveis e informações sigilosas caiam nas mãos de pessoas má intencionadas. “Querendo, ou não, temos um poder de acesso a informações e contatos sensíveis”, conclui.

 

 




Fonte: SSPCE

Mais Notícias

Botão Voltar ao topo